destaque destaque destaque
Contato

 

REVESTIMENTOS ROUBAM A CENA!

 

Em casas de família, é possível perceber um denominador comum: a integração. Ela promove a interação de todos os moradores, uma prioridade dos interiores contemporâneos que foi aplicada nesse apartamento em Pinheiros, projetado pela arquiteta Ana Yoshida, do escritório Ana Yoshida Arquitetura e Interiores.

 

 


Sem divisórias, cozinha, estar e jantar formam um ambiente único. Para uniformizar o visual, a profissional apostou tanto em uma paleta de cores concisa como nas texturas inusitadas dos revestimentos.

Na cozinha, a parede foi revestida pelas micropastilhas da Colormix, em azul e branco. Elas destacam o local enxuto, trazendo-lhe personalidade, junto da marcenaria de MDF branco. Dando continuidade ao espaço, a mesa de refeições, de lâmina de carvalho, está fixada na bancada da cozinha – um artifício que também ajuda a conectar os ambientes.

 

 

 

Já na sala, as paredes do bar se destacam com a linha Segmentos, da Castelatto, com relevo de aparência rendada. O móvel, desenhado pela arquiteta, foi criado para dar um lugar à adega e às taças, em MDF cinza e branco com pés em cobre – metal que aparece, novamente, na bandeja que abriga as bebidas e nos pendentes da Puntoluce sobre a mesa de refeições.

 

 

Apesar da neutralidade ser predominante na base da decoração, ela é elegantemente quebrada pelos quadros que ocupam a sala. A cadeira Bold Chair, de Big Game Design, parece ter sido retirada de um deles, com seu azul em contraste com as cadeiras pretas (Carbono) da mesa de jantar.

No living, o grande sofá recebe os moradores e é bem versátil, servindo tanto ao estar como ao home theater. O tapete, da Kian Tapetes, delimita o espaço.

 

 

 

A unidade da paleta de cores e materiais das áreas comuns continua na suíte. Ali, o azul do bar reaparece no armário, feito sob medida para o enxuto ambiente. Em destaque, o recorte na marcenaria ajudou a criar o criado-mudo.

 

 

 

É no quarto da menina que tudo muda. Rosa, azul e laranja, tons doces e alegres que caracterizam a infância, aparecem nas várias gavetas de marcenaria que fazem parte da cama, perfeitas para guardar brinquedos e o material escolar. Eles combinam com o papel de parede florido, que dá o toque final na decoração pensada para a criança. Ali, escrivaninha com espelho funciona como espaço para estudo, brincadeiras e também penteadeira. São elementos que acompanharão o crescimento da menina até a adolescência, fazendo do quarto um espaço duradouro – tudo depende da disposição dos acessórios e elementos decorativos.

 

 

 

Não deixe de ler as outras matérias disponíveis aqui no portal, acesse nossas mídias sociais  ,  e também veja nossos vídeos no , se inscreva e deixe seu Like.

 

Fontes:

 

Ana Yoshida Arquitetura e Interiores

www.anayoshida.com.br

 

dc33 Comunicação      

Débora Fernandes, Glaucia Ferreira e Danilo Costa           
press@dc33.com.br

coordernacao@dc33.com.br

danilo@dc33.com.br

www.dc33.com.br

 

Fotos: Evelyn Müller


Fornecedores:

 

Sala de jantar

Revestimento cimentício – Segmentos, da Castelatto

Cadeiras - Carbono

Cadeira Bold Chair – Big Game Design

Pendentes – Puntoluce Iluminação

Piso vinílico – Interfloor

Vaso da mesa de jantar – Dpot

Quadros – loja Arte Própria

 

Sala de estar

Banco de ferro – Carbono

Tapete – Kian Tapetes

Pufe – Acervo pessoal

Almofadas – Codex Home

Vaso “Era uma vez”, no bar – design de Guto Requena

 

Quarto infantil

Papel de parede – site Papel de Parede dos anos 70

Roupa de cama – M. Martan

 

Cozinha

Revestimento de parede – Mosaico Colormix

  Pag 2/100